Santo do Dia 08 de Setembro – Natividade de Nossa Senhora

Santo do Dia 08 de Setembro - Natividade de Nossa Senhora

Natividade de Nossa Senhora

A Igreja celebra hoje a festa da natividade de Nossa Senhora. Ignora-se a data exata de seu nascimento, que deve ter ocorrido por volta do ao ano 15 a.C. A festa da natividade de Nossa Senhora é uma das quatro solenidades mais antigas em honra a Nossa Senhora. No Oriente essa festa foi celebrada desde o início do cristianismo e em Roma, a partir do século VII. Na América Latina ela foi introduzida pelo Papa Sérgio I. Ao contrário dos outros santos, de quem se festeja o dia da morte, de Maria se festeja o dia do nascimento porque ela já nasceu santa. Embora a Bíblia pouco fale sobre a infância de Maria, com certeza oito dias após seu nascimento, em obediência ao costume judaico, ela foi levada ao Templo para ser apresentada. Embora nenhum evangelista fale sobre o nascimento de Maria, todos demonstram a importância e o significado desse acontecimento para a história da salvação, e consequentemente de como seria injusto que Maria, que nasceu para que dela nascesse Deus, não tivesse o seu natalício comemorado com muita festa e muita alegria por toda a Igreja. O que sabemos sobre o nascimento de Maria está narrado em grande parte nos escritos apócrifos, narração essa feita com riqueza de detalhes, com muita generosidade e até com uma certa ingenuidade. De acordo com esses escritos ela pertencia à família real de Davi por parte de Joaquim, seu pai, e à família do sacerdote Arão por parte de Ana, sua mãe, e quando nasceu seus pais já eram idosos. Dizem ainda os apócrifos que mais tarde, talvez aos três ou quatro anos de idade, ela foi novamente levada ao templo para consagrar-se ao serviço de Deus, e que tendo perdido os pais muito cedo, permaneceu cerca de 12 anos no templo, só saindo de lá para desposar José.

Hoje, quando a Igreja celebra a festa da natividade de Nossa Senhora, nós, como costumam fazer os bons filhos no dia do aniversário da mãe, nos unimos para festejá-la e principalmente para agradecer a Jesus, que no-la deu por mãe. E para homenageá-la – na falta de palavras –  eu tomo emprestado as palavras que São Damião pronunciou num de seus sermões num dia oito de setembro: “Hoje é o dia em que Deus começa a por em prática o seu plano eterno, pois era necessário que se construísse a casa, antes que o Rei descesse para habitá-la”. E ele prossegue: “Podemos narrar as façanhas heróicas de um mártir ou as virtudes de um santo, porque são humanas, mas como poderá a palavra mortal, passageira e transitória, exaltar aquela que deu a luz à Palavra Eterna?  Como dizer que o Criador nasce da criatura?”.

 

>> Outro Santo do Dia