Santo do Dia 03 de Maio – São Filipe e São Tiago

Santo do Dia 03 de Maio - Sao Filipe e Sao Tiago

São Filipe e São Tiago

São Filipe e São Tiago faziam parte do grupo dos doze apóstolos de Jesus. Filipe era de Betsaida. Era pacífico, alegre, bondoso e extrovertido. Foi a ele que o grupo de gregos que queria conversar com Jesus se dirigiu, para obter uma audiência. Foi ele também quem apresentou o amigo Natanael a Jesus. No episódio da multiplicação dos pães é a Filipe que Jesus pergunta: “Onde compraremos pão, para que toda essa gente possa comer?”. É ainda Filipe quem, durante a ceia, querendo simplificar a compreensão das coisas ditas por Jesus, lhe pede: “Senhor, mostra-nos o Pai e isso nos basta”. A maior parte dos documentos antigos afirma que Filipe morreu aos 87 anos, crucificado em Gerápolis, no tempo do imperador Domiciano. As suas relíquias teriam sido posteriormente transportadas para Roma e colocadas junto com as de Tiago, na Igreja dos Santos Apóstolos. Esse seria o motivo por que a Igreja festeja os dois no mesmo dia.

Tiago Menor, assim chamado por causa da baixa estatura e para distingui-lo de outro Tiago, que era maior e mais velho, nasceu em Caná, região da Galiléia. Sua mãe, chamada Maria, e seu pai Cléofas, pertenciam à família de São José e, para muitos, ele era sobrinho de São José por parte de pai. Tinha um irmão por nome Judas, chamado de Tadeu, e que também fazia parte do grupo dos 12. Diferente de Filipe, Tiago Menor era calado, introspectivo e gostava de ficar sozinho. Depois do martírio de Tiago Maior e após o afastamento de Pedro de Jerusalém, Tiago Menor foi Bispo de Jerusalém. Foi ele quem durante o Concílio de Jerusalém propôs que não fizessem cair sobre os gentios ou pagãos os rigores da lei judaica. São Paulo o chama, juntamente com Pedro e João, de “Colunas da Igreja”. Por exercer uma liderança muito forte na Igreja, os judeus tramavam tirá-lo a todo custo do caminho, pensando que assim estariam dando o golpe fatal no cristianismo. Por volta do ano 62, condenaram-no à morte por apedrejamento. A São Tiago é atribuída uma das epístolas chamadas católicas.

No mundo de hoje, onde a fome faz talvez mais vítimas que todas as enfermidades juntas, São Filipe, a quem Jesus perguntou onde encontrar pão, nos ensina que não é a falta de alimentos que produz a fome, mas a falta de solidariedade e partilha. No mundo de hoje, onde o salário dos trabalhadores e a injusta distribuição de renda imperam de maneira absoluta, São Tiago sobre quem os Evangelhos não registram qualquer palavra, compensa esse silêncio, quando nos adverte em sua epístola: “os salários dos trabalhadores que ceifaram vossos campos, clamam contra vocês”.

 

 

VIANNA, Zélia (2005). Santidade Ontem e Hoje. Salvador: Paróquia de São Pedro

 

>> Outro Santo do Dia