Santo do Dia 02 de Julho – São Bernardino Realino

Santo do Dia 2 de Junho - Sao Bernardino Realino

São Bernardino Realino

São Bernardino Realino nasceu em Capri, Itália, de família nobre, no dia primeiro de dezembro de 1530. Sua primeira educação foi quase que exclusivamente obra de sua mãe, já que seu pai, por força do trabalho que exercia, ficava bastante tempo ausente de casa. Bernardino cursou a Academia de Módena e mais tarde foi para Bolonha onde estudou filosofia e medicina. Influenciado pela noiva, Clorinda, trocou a medicina pelo direito, doutorando-se em Direito Civil e Eclesiástico. Exerceu os cargos de Prefeito na cidade de Felizzano de Monferrato, de administrador e advogado fiscal em Alexandria, de prefeito de Cassine, de Pretor em Castel Leone e de auditor e lugar-tenente geral no reino de Nápoles. Teve uma carreira brilhante e marcada por muitos sucessos, mas após a morte prematura da noiva resolveu dar um novo rumo à sua vida. Para não tomar uma decisão precipitada, levou três anos amadurecendo a idéia de dedicar sua vida inteiramente a Deus. Um dia, passeando pelas ruas de Nápoles, avistou dois jovens religiosos que muito o impressionaram pela compostura, modéstia e alegria. Informou-se e soube que faziam parte da Companhia de Jesus. No domingo seguinte foi à missa na igreja dos jesuítas e após ouvir atentamente a homilia, confessou-se com o pregador que o aconselhou a fazer os Exercícios Espirituais de Santo Inácio de Loyola. Ao terminar, já estava decidido. Entrou para a Ordem dos Jesuítas e três anos depois ordenou-se sacerdote, sendo logo nomeado mestre dos noviços. Em 1574 foi para Lecce, a fim de fundar um colégio, e nesse colégio permaneceu até o dia de sua morte. De temperamento meigo e amoroso, São Benardino Realino era muito sensível às necessidades que afligiam os mais carentes. Quando se encontrava às portas da morte, o Conselho Municipal de Lecce, a pedido do povo que temia que a proteção do futuro santo fosse reclamada por Capri, sua cidade natal, pediu-lhe que aceitasse o título de protetor da cidade de Lecce. São Bernardino Realino morreu em dois de julho de 1616. Foi beatificado em 1895. Em 1947 Pio XII o canonizou e o propôs como exemplo de educador.

No mundo de hoje que cultiva o sucesso social, econômico e político, mas é pouco sensível ao sofrimento dos mais carentes, São Bernardino Realino nos lembra que não basta ao discípulo de Jesus condenar o mal. O verdadeiro discípulo, como São Bernardino, se compromete com o direito do pobre e de ser presença marcante nos lugares onde são maiores os sinais de dor, de abandono e de amargura.

 

>> Outro Santo do Dia