Santo do Dia 10 de Fevereiro – Santa Escolástica

Santo do Dia 10 de Fevereiro - Santa Escolastica

Santa Escolástica

Santa Escolástica nasceu em Úmbria, Itália, por volta do ano 480. Era irmã de São Bento, o fundador da Ordem Beneditina, e tudo indica que eram gêmeos. A decisão de São Bento de buscar a perfeição evangélica e se consagrar total e inteiramente a Deus impressionou muito Escolástica que, achando ser o caminho escolhido pelo irmão uma via aberta para todos os cristãos, inclusive para as mulheres, resolveu distribuir tudo o que possuía com os pobres e, acompanhada apenas de uma criada, foi atrás de São Bento no Mosteiro de Monte Cassino.  Escolástica falou-lhe do desejo de também se consagrar a Deus, numa vida isolada do mundo, pediu-lhe que fosse para ela um pai espiritual e lhe escrevesse as regras que deveria observar para atingir aquela perfeição evangélica que tanto buscava. São Bento compreendeu o desejo da irmã, mandou construir para ela uma cela, perto do mosteiro e lhe deu regras parecidas com as dos monges. Não demorou muito e outras jovens vieram se juntar a Escolástica e foi assim que nasceu a versão feminina da Ordem de São Bento. Uma vez por ano Bento descia do mosteiro para ver a irmã e, nessas ocasiões, Escolástica procurava prolongar ao máximo a conversa. Contam que numa dessas vezes, ela lhe pediu que ficasse por mais tempo, mas São Bento, fiel observador das regras, não quis atendê-la. Foi, contudo, obrigado a atender o pedido da irmã, em virtude de um temporal forte e prolongado que desabou sobre a região e o impediu de regressar ao mosteiro. Contam que a tempestade caiu após Escolástica haver orado fervorosamente a Deus e que na ocasião ela teria dito ao irmão: “Pedi e você não me ouviu. Pedi ao Senhor e ele me ouviu. Agora pode ir para seu mosteiro. Volte, se puder”. Impossibilitado de sair por causa do temporal, os irmãos aproveitaram a noite para conversar sobre o amor e a bondade de Deus e sobre as verdades e alegrias da fé cristã. Somente pela manhã, quando a tempestade passou, e o sol apareceu, Bento pôde voltar para o Mosteiro. Foi a última vez que os irmãos se encontraram. Escolástica morreu três dias depois, aos 63 anos de idade. Por causa desse episódio ela é invocada contra os raios e para obter chuva.

Hoje Santa Escolástica que, com muita coragem e determinação, iniciou um estilo totalmente novo de vida, nos convida a não temer propostas e desafios novos e a entender que nenhuma lei humana, por mais justa que seja, pode ser absolutizada. De fato, a única lei que não pode ser violada é a lei da misericórdia, o único preceito que jamais pode ser revogado, é o preceito do amor.

 

VIANNA, Zélia (2005). Santidade Ontem e Hoje. Salvador: Paróquia de São Pedro

 

>> Outro Santo do Dia