Santo do Dia 17 de Agosto – São Jacinto

Santo do Dia 17 de Agosto - Sao Jacinto

São Jacinto

São Jacinto nasceu em Silésia, entre Breslau e Cracóvia, na Polônia. Seu nome de batismo era Jacke, que se traduz por João e, segundo alguns estudiosos, era parente de Dom Ivo, bispo de Cracóvia. Foram os dominicanos que lhe deram o nome de Jacinto. São Jacinto entrou na Ordem dos Dominicanos Pregadores em Roma, por volta do ano 1217 – 1218, e no ano seguinte voltou à sua terra natal onde fundou os conventos de Breslau, Sandomir e Dantziga. Documentos seguros indicam que em 1228 ele já pregava no Convento da Santíssima Trindade, em Cracóvia e que, em 1238, pregou a cruzada contra os prussianos. São Jacinto ficou conhecido como o “Apóstolo da Polônia” e conseguiu evangelizar não apenas a Polônia, como as vizinhas regiões da Rússia, Lituânia, Bálcãs e Prússia, substituindo os cistercienses que não eram tão bem preparados, como os dominicanos, para essa missão. São Jacinto percorreu cerca de quatro mil léguas para anunciar a Boa Nova aos que não a conheciam. Em 1241 a 1242, viu-se obrigado a interromper as atividades, por causa das invasões tártaras que fizeram muitos mártires e destruíram muitos conventos. Tão logo a situação se acalmou, ele retornou ao trabalho missionário, mas algum tempo depois caiu doente. Morreu, como um verdadeiro gigante e herói do Evangelho, no dia 15 de agosto de 1257. Seu culto logo se espalhou por toda a Polônia e, a partir de 1260, três anos após sua morte, o seu túmulo passou a ser local de peregrinação. São Jacinto foi canonizado pelo Papa Clemente VIII em 1594.

Hoje, quando muitas vezes nós transpomos com mais facilidade as distâncias geográficas do que aquelas que nos conduzem ao vizinho do lado, a quem senta ao nosso lado no banco da igreja e vive em nossa casa, São Jacinto, que não mediu esforços para ir ao encontro dos que não conheciam o Evangelho, nos diz que nenhuma distância, seja ela geográfica ou afetiva, pode ser considerada intransponível pelos missionários e missionárias comprometidos com o anúncio da Boa Nova do Reino de Deus. Com São Jacinto aprendemos a jamais esmorecer e, mesmo diante das fugazes vitórias do mal, continuar lutando e enfrentando com coragem os tártaros deste terceiro milênio, representados pela a ideologia do ter, do prazer e do poder.

 

>> Outro Santo do Dia